Tudo o que você não sabia sobre o Halloween!

Saiba sobre as peculiaridades, curiosidades e fatos interessantes sobre este evento que ganhou força no Brasil.



Halloween Teoria Nerd



O Halloween é uma festa pagã comemorada no dia 31 de outubro (aniversário do Teoria Nerd!). A celebração era uma tradição dos antigos celtas, que comemoravam o festival de Shamhain e é o marco do fim do verão. O evento festejava o final da terceira e última colheita do ano, o retorno dos rebanhos para o pasto e renovação das leis celtas.

Roma até chegou a celebrar o Halloween algumas vezes antes de Cristo, mas depois a festa foi intitulada como pagã e proibida pela Igreja Católica, que apelidou a celebração como Dia das Bruxas (Ta aí a fama desse nome no Brasil). 

A celebração é muito tradicional no Reino Unido, mas ganhou muita força como uma importante festa nos Estados Unidos, sendo a segunda maior festa do país, atrás do Natal. Além de “Halloween”, a festa pode ser comparada ao “Dia de Todos os Santos” e ao “Dia de Finados”. Países hispânicos comemoram o “Dia dos Mortos” na mesma data. O nome Halloween nada mais é do que a abreviação, ou o jeito rápido de falar a frase “all hallow’s even”, ou seja, “noite de todos os santos”.


E a abóbora, de onde vem essa tradição?


Halloween Teoria Nerd

A famosa abóbora, conhecida como “Jack O’lantern”, vem do folclore Irlandês sobre um alcoólatra chamado Jack Miserable, que bebeu demasiadamente em um dia 31 de outubro e convidou o Diabo para tomar uma bebida com ele. Fiel ao seu nome, Jack Miserável não queria pagar a sua bebida, então, convenceu o Demônio a se transformar em uma moeda que Jack usaria para pagar as bebidas. 

Depois que o Diabo fez isso, Jack decidiu pegar o dinheiro e colocá-lo em seu bolso ao lado de uma cruz de prata, o que impediu o Diabo de mudar de volta em sua forma original. Jack solta o Diabo, sob a condição de que ele não incomodaria Jack durante um ano e que, se Jack morresse, ele não pediria a sua alma. No ano seguinte, Jack o enganou de novo fazendo o Diabo subir em uma árvore para pegar um pedaço de fruta. Enquanto ele estava em cima da árvore, Jack esculpiu um sinal da cruz na casca da árvore para que o diabo não pudesse descer, até que o Diabo prometesse não incomodá-lo por mais dez anos.

Quando morreu, Jack foi impedido de entrar no céu, e o diabo, embora chateado com as trapaças de Jack, teve que manter sua palavra e não reclamar a alma dele, e assim, não permitiu que ele fosse para o Inferno. Mas como castigo, enviou Jack para a noite escura, apenas com um pedaço de carvão em brasa para iluminar seu caminho. Jack colocou o carvão em um nabo esculpido e tem vagueado pela Terra desde então.


Doces ou travessuras?





A expressão, originalmente chamada de "Trick or treat" (gostosuras ou travessuras), é usada quando as crianças saem as ruas batendo de porta em porta pedindo doces, e caso não ganhem, fazem pequenas travessuras, como por exemplo jogar spray colorido na porta da casa. Existem várias versões diferentes para o início desse costume. 

Uma delas diz que, na Europa do século IX, os cristãos iam de vila em vila pedindo "soul cakes" (bolos de alma), que eram feitos de pequenos quadrados de pão com groselha. Para cada bolo que ganhasse, a pessoa deveria fazer uma oração por um parente morto do doador. Acreditava-se que as almas permaneciam no limbo por um certo tempo após sua morte e que as orações ajudavam-na a ir para o céu.

Outra versão diz que o costume teria origem na Irlanda. As crianças celtas iam de casa em casa vestindo roupas bem diferentes e pedindo provisões para comemorações de Halloween em nome da deusa Muck Olla. Os celtas acreditavam que o único modo de acalmar os espíritos do mal era oferecendo comida para a deusa. Quem se recusava a ajudar, sofria a “travessura” da deusa.

Seja qual for a real história, o que interessa é que o Halloween é uma festa que ganhou força no mundo todo, e nos últimos anos tem se disseminado aqui no Brasil, onde cada vez mais as pessoas comemoram e curtem a data, independente da resistência de alguns, que a discriminam por não ser uma festa da nossa cultura.

Mas afinal, você prefere curtir o Haloween ou a festa do Saci??

Deixe seus comentários aqui embaixo, com sua opinião, ou se você tem alguma outra versão sobre o tema. Ah, e é claro, dá aquela curtida marota na nossa Fan page do Facebook!